sexta-feira, 29 de junho de 2012

Um certo dia para 21 (Paulinho da Viola)


Foram para mim, horas diferentes
Quando eu me senti em plena liberdade
Tudo que eu trazia no meu pensamento
Era ter você só por um momento
E muito mais você me deu
E me fez passar um tempo precioso esquecido
E eu só andava pelas noites mais escuras
Me escondendo do perigo

Só depois quando acordei
Aí que eu me lembrei que era o 21
E andava procurado, tinha meu nome marcado
Não era um homem comum
Mas ficou aquele dia que me deu tanta alegria
Me marcando muito mais que a ferro e fogo
Às vezes, meu amor, fico pensando
Se a vida não tivessse me dado esse jogo

PS: Lá no Couro do Cabrito, numa postagem sobre esse samba encontrei nos comentários a seguinte história:

21 é um presidiário que ganha um dia de indulto e o usa para encontrar a amada, isso deixa a música ainda mais incrível. Confere ? 

Quase, caro Hélio. Na verdade não se sabe com certeza se o 21 está em cana, mas sim que está fugido - e procurado - e vive "horas diferentes" com a amada. Paulinho certa vez disse que antigamente alguns sambistas se chamavam pelo número, não pelo nome e revelou que o "21" da música é um sambista imaginário; alguém que nunca existiu, vejam só.

Arthur Tirone


.

3 comentários:

P.Nathan disse...

Vejam esse trecho de uma entrevista de Paulinho da Viola sobre o assunto (retirada de: http://almanaquebrasil.com.br/personalidades-musica/8628-paulinho-da-viola.html):

"Fiz o samba 21 [Um Certo Dia para 21] assim, observando um cara, na Portela. Claro que tem um pouco da fantasia, mas é o resultado de observar. A gente devolve isso um pouco como cronista. Você quer ter um pouco essa pretensão, porque se sensibiliza com coisas que outros não estão muito ligados. Tudo isso talvez vai sensibilizando e fazendo com que você tenha um sentimento maior que essa carência nossa toda. Que já não é uma coisa pessoal, de um, de outro, que eu reconheço que é uma coisa humana, que pertence a todos [sobre a solidão]".

Vinicius Leandro Terror disse...

Bras hein mano... depois se tiver o link da entrevista manda pra gente!

P.Nathan disse...

Então, o link da entrevista é aquele mesmo que comentei no início da mensagem: http://almanaquebrasil.com.br/personalidades-musica/8628-paulinho-da-viola.html

Muito boa, por sinal.

Abraços.