terça-feira, 4 de outubro de 2011

Geraldo Pereira

Geraldo Pereira
Essa é uma postagem antiga do blog. Os arquivos de áudio foram trocados e não apresentam mais o defeito que tinham na coletânea antiga. Também foi acrescentado um arquivo pdf com todas as letras das musicas da coletânea.

Nascido em Juiz de Fora (MG), no dia 23 de abril de 1918, o menino Geraldo Theodoro Pereira mudou-se para o Rio de Janeio aos 12 anos de idade, para ajudar seu irmão Mané Araújo (sanfoneiro) que tinha uma vendinha no morro da Mangueira. E foi na mangueira que Geraldo Pereira começou a conhecer o samba. Frequentando a casa de Alfredo Português, conheceu sambistas como Carlos Cachaça, Nélson Cavaquinho e Cartola... Aliás, dizem que foi o Cartola que o ensinou a tocar violão. Foi assim que Geraldo Pereira se tornou um dos maiores sambistas brasileiros!

Foi capaz de assimilar o samba dos bambas da década de 20 e 30, acrescentando algumas alterações rítmicas na melodia e criando assim o que se conhece como "samba sincopado", estilo amplamente difundido durante a década de 40 por Ciro Monteiro, que gostava de chamar esse jeito de se cantar samba de "samba de teleco teco". Segundo Nei Lopes, "o samba sincopado é uma variante do samba-choro, de fraseado sinuoso, rico em notas. Estilo que influênciou a obra de compositores como Jota Cascata, Padeirinho, Luiz Grande e João Nogueira". Seu primeiro samba gravado foi Se você sair chorando, na voz de Roberto Paiva, em 1939:


Inscrito num concurso de musicas carnavalescas, o samba não foi um sucesso estrondoso, mas chegou a preocupar o "papa" do samba na época, Wilson Batista. Preocupação essa que terminou em uma das mais famosas parcerias da dupla, "Acertei no Milhar", gravada pelo Moreira da Silva, em 1940.

A partir daí, Geraldo Pereira pôde ser ouvido nos mais diversos timbres, interpretado por grandes nomes do samba, como Ciro Monteiro, Moreira da Silva, Aracy de Almeida, Orlando Silva, entre outros. Ciro Monteiro foi um grande amigo além de seu principal intérprete. Imortalizou clássicos como Falsa Baiana e Escurinho. A primeira música de Geraldo que Ciro gravou foi "Acabou a sopa" em 1940:


Geraldo Pereira era um boêmio e malandro, jogador de capoeira... Quando tomava umas já ficava com "mania de brigão"... E foi por causa da mania de brigão, ironicamente mencionada em seu último samba, que Geraldo Pereira morreu cedo, deixando em 15 anos de carreira uma obra de mais de 300 músicas, sendo a maioria, ainda inéditas. Apesar de contar com um time de intépretes de peso, Geraldo também arriscava no gogó. Interpretava suas músicas e de outros sambistas, além de jingles publicitários, na Rádio Tamoio do Rio de Janeiro. Ouça o samba "Juracy", na voz do próprio Geraldo Pereira:


A noite estava tranquila na Lapa quando, de repente, Geraldo Pereira e Madame Satã começam um bate boca e acabam saindo na pancada... Dizem que depois de levar um certeiro, Geraldo caiu e bateu a cabeça no meio fio... foi levado ao hospital, mas não resistiu, falecendo tempos depois.

Geraldo Pereira em seus 37 anos de vida, não pode vivenciar a consagração, a valorização de sua obra e do samba do morro, que tanto buscou durante sua vida. Hoje é tido com um dos grande mestres do samba, gravado pelos mais diversos cantores e grupos. Pouco tempo após sua morte, artistas ligados ao incipiente mundo da Bossa Nova, como João Gilberto, Chico Buarque e Gal Costa, fizeram boas releituras de sua obra, apresentando assim o nome de Geraldo Pereira às novas gerações...

PRA OUVIR

Segue abaixo uma coletânea com 49 sambas de Geraldo Pereira gravados a partir do final da década de 30, em discos de 78 rpm (A maioria desses áudios são disponibilizados no site do IMS). 




O 4 shared está pedindo para fazer login antes de baixar os arquivos:
Login: blogreceitadesamba@yahoo.com.br
Senha: samba2012



01 - SE VOCÊ SAIR CHORANDO
02 - ACABOU A SOPA
03 - ACERTEI NO MILHAR
04 - ELA NÃO TEVE PACIÊNCIA
05 - PODE SER?
06 - FALTA DE SORTE
07 - LEMBRA-TE DAQUELA ZINHA?
08 - ADEUS
09 - AI QUE SAUDADE DELA
10 - SINHÁ ROSINHA
11 - LEMBRANÇAS DA BAHIA
12 - TENHA SANTA PACIÊNCIA
13 - VOZ DO MORRO
14 - RESIGNAÇÃO
15 - SAMBA PRO CONCURSO
16 - VOCÊS ESTÁ SUMINDO
17 - JÁ TENHO OUTRA
18 - JAMAIS ACONTECERÁ
19 - CARTA FATAL
20 - FALSA BAIANA
21 - VOLTEI, MAS ERA TARDE
22 - SEM COMPROMISSO
23 - BOLINHA DE PAPEL
24 - JUREI
25 – GOLPE ERRADO
26 - VAI QUE DEPOIS EU VOU
27 - AI MÃEZINHA
28 - ATÉ HOJE NÃO VOLTOU
29 - SÓ QUIS MEU NOME
30 - AINDA SOU SEU AMIGO
31 - PISEI NUM DESPACHO
32 - LIBERTA MEU CORAÇÃO
33 - CHEGOU A BONITONA
34 - QUE SAMBA BOM
35 - MINHA COMPANHEIRA
36 - BRIGARAM PRA VALER
37 - BOCA RICA
38 - PERDI MEU LAR
39 - FUGINDO DE MIM
40 - AQUELE AMOR
41 - MINISTÉRIO DA ECONOMIA
42 - PEDRO DO PEDREGULHO
43 - PROMESSA DE UM CABOCLO
44 - NÃO CONSIGO ESQUECER
45 - CABRITADA MAL SUCEDIDA
46 - JURACI
47 - MAIOR DESACERTO
48 - VAI

.

Nenhum comentário: