quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Melhor ainda!!!

Pra Descontrair...

Dois Grandes Mestres!!!! hehe...

Conjunto Nosso Samba

Conhece? Não? Você não deve estar ligando o nome à pessoa! O Nosso Samba foi o principal grupo de samba da década de 70 e acompanhou muita, mas muita gente boa... Pra vocês terem uma idéia, eles gravaram com a Clara Nunes em praticamente todos os discos de samba dela...

Eu puxei esse assunto pois o Conjunto Nosso Samba tem uma sonoridade única! Do tipo que basta ouvir alguns segundos da música e você já sabe que são eles... Isso porque, além de ser formado por músicos brilhantes, como o grande Gordinho (considerado o melhor surdo de todos os tempos), o grupo contava com uma figura ímpar: O mestre Carlinhos do Cavaco!

O Carlinhos é aquele cara que poucos sabem o nome mas todo mundo (que goste de samba) já ouviu! O melhor cavaquinista de centro em opinião unânime...

O Carlinhos tocava o cavaco com afinação de bandolim, o que dava uma sonoridade completamente distinta em suas gravações. Além disso ele desenvolveu uma técnica interessante, usando apenas acordes com três notas (tríades) e abafando a primeira ou a última corda, o que funcionava também como um complemento percussivo em sua levada inconfundível..

Não vou ficar com muitas delongas... Quem quiser ler mais sobre o Carlinhos e o Nosso Samba entrem nesse blog, que é o que tem de mais completo sobre a obra deles! Blog classe A!!!!!  O que eu quero aquí é mostrar uns vídeos pra vocês (re)conhecerem a sonzeira dos caras!

















.

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Poetas do Samba

Programa exibido pela Record e que fala sobre alguns sambistas, entre eles Noel, .....
Nada de muito novo, mas vale à pena... Tem umas imagens e casos interessantes....

Parte 1: Noel Rosa



Parte 2: Imagens interessantes do Silvio Caldas cantando um daqueles sambas engraçados do Noel... E um pouco de Cartola...




Parte 3: João Nogueira, Moreira da Silva e Nélson Cavaquinho


Mais uma receita!

Samba pra ficar arrepiado! Grande interpretação do Roberto Ribeiro!



Estrela de Madureira
Acyr Pimentel / Cardoso

Brilhando
Um imenso cenário
Num turbilhão de luz, de luz
Surge a imagem daquela
Que o meu samba traduz
A estrela vai brilhando
Mil paetês salpicando
O chão de poesia
A vedete principal
Do subúrbio da central foi a pioneira

E... Um trem de luxo parte
Para exaltar a sua arte
Que encantou Madureira
Mesmo com o palco apagado
Apoteóse é o infinito
Continua estrela
Brilhando no céu


quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Receita de Samba

Resto de Esperança
(Dedé da Portela e Jorge Aragão)

Samba gravado pelo grande Roberto Ribeiro no LP Fala Meu Povo, de 1980. Destaque para o sete cordas que entra com tudo na segunda parte. Lindo!


Ainda resta um pouco de esperança
Apesar das desavenças
Afinal não sou criança
Pra que deixar acontecer
E lamentar o dissabor
De sermos mais um caso de amor
Mais um caso como existem tantos por aí
Pra se machucar só pra se ferir
Dessa vez não vamos nos deixar levar
Podemos superar
Com um pouco de boa vontade
Não importa o tempo, coração não tem idade


A Nova Geração do Samba: Respeito às Raízes!

Hoje o samba está na moda! A cada dia aparecem tantos grupos e cantores que às vezes fica difícil distinguir entre um disco de samba de qualidade, feito com inspiração e, principalmente, respeito às origens e à história do nosso Samba autêntico e um disco produzido para ganhar $$$!

Hoje em dia aparece um monte de gente batendo no peito, dizendo que está resgatando o Samba e a memória de nossos grandes compositores, mas o que eu vejo é uma suruba de novos cantores que pouco ou nada conhecem sobre o samba, gravando discos enlatados pelos produtores do momento e acabando com a ginga e a malícia do samba. Quando se ouve algo novo hoje em dia tem-se a impressão de que já ouvimos aquilo antes... Fica tudo igual, letras, intrumentos, músicos e arranjos, aquele andamento corrido... As gravadoras hoje só querem o samba estilo Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz e toda essa turma do Cacique de Ramos...

Já previa o Paulinho da Viola há decadas atrás: Tá legal, eu aceito o argumento, mas não me altere o samba tanto assim!!!

Eu já destaquei aqui no blog grupos novos como o ótimo Terreiro Grande, o Samba de Fato e outros que realmente fazem um samba autêntico, com respeito às raízes, instrumentos tradicionais, enfim, um samba mais parecido com aquele que se ouvia até a década de 70, antes da febre do pagode e as mudanças no samba durante os anos 80.

Hoje destaco mais quatro discos, que merecem uma conferida atenta! Anotem as receitas:

T-Kaçula e Renato Dias: Samba Rural Urbano (2007)


T-Kaçula e Renato Dias são dois sambistas e pesquisadores que vêm resgatando a tradição e a memória cultural do samba paulista, que apesar do estigma criado por um comentário infeliz feito por Vinicius de Moraes há tempos atrás, é de uma riqueza incrível.

Samba Rural Urbano é fruto de uma extensa pesquisa sobre as origens interioranas do samba paulista, o chamado Samba Rural Paulista, que resultou em uma série de composições inéditas que nos levam a um passeio pelo que há de melhor no samba paulista! Destaque para a parceria com Toniquinho Batuqueiro.


1- Bolo de fubá (Renato Dias e T. Kaçula)
2- Lorena (Renato Dias e T. Kaçula)
3- Lá no céu (T. KaçulaRenato Dias, Tito P.D.C.,)
4- Marra no Mourão (Toniquinho Batuqueiro)
5- Capinando história (Renato Dias e T. Kaçula)
6- Kolombolo (Toniquinho Batuqueiro, T. Kaçula, Renato Dias)
7- Sob o luar do sertão (Renato Dias e T. Kaçula)
8- Bumbo de Pirapora (T. Kaçula e Renato Dias) Part. Fabiana Cozza
9- De papo pro ar (T. Kaçula e Renato Dias)
10-Viola (T. Kaçula, Renato Dias, Marco Mattoli)
11-História de Boiadeiro (T. Kaçula e Renato Dias)
12-Tião Boiadeiro (T. Kaçula e Renato Dias)






Grupo Patuá
O Patuá é um grupo de Belo Horizonte que faz um samba com grande influências do choro. Ótimos musicos e composições inéditas mostram a perfeita ligação entre a informalidade do samba e o jeito chorado de se tocar, com belos arranjos de bandolim, flauta e sete cordas.

1 - Métodos e medidas (Luisinho Capadócio)
2 - Aprediz de chorão (Thiago Balbino)
3 - Meu guia (Fabinho do Terreiro e Luisinho Capadócio)
4 - Dias de Carnaval (Francisco Leão, Luisinho C. e Rubem Kurunga)
5 - Lembranças de Vó Lia (Thiago Balbino e Luisinho Capadócio)
6 - Ilusão (Amon Kurunga, Lucinio Ruas e Paulinho Pedra Azul)
7 - Maria (Cabral e Luiz Carlos da Vila)
8 - Chora pro nobis (Thiago Balbino)
9 - Reamar (Amon Kurunga e Roberta Horta)
10 - Zé (Amon Kurunga, Gabriel Kurunga e Luisinho C.)
11 - Minha Cidade (Amon Kurunga e Francisco Leão)
12 - Thiago no choro (Geraldinho Alvarenga)
13 - Vem pra Minas (Luizinho Capadócio e Rubem Kurunga)
14 - Ode ao samba (Amon Kurunga e Luizinho Capadócio)
15 - Contamão (Amon Kurunga e Luisinho Capadócio)

BAIXAR





Banda Glória Convida Cristina Buarque


A Banda Glória é um grupo paulista formado por 14 músicos e que nos traz nesse disco grandes composições de nomes consagrados como Candeia, Ataulfo Alves, Pedro Caetano, Wilson Batista, Geraldo Pereira, Paulo César Pinheiro e Mauro Duarte, além de uma canção inédita do mestre Cartola, "um casal que chora". Os arranjos são ótimos e o resultado final, maravilhoso!

1 - Meu romance (J. Cascata)
2 - Disse me disse (Claudionor Cruz e Pedro Caetano)
3 - Não deixo saudade (Manoel Ferreira e Roberto Martins)
4 - Bemóis (inspiração) (Candeia)
5 - Um casal que chora (Cartola)
6 - Conversa fiada (Ciro de Souza e Geraldo Pereira)
7 - Ai de mim (Bide)
8 - Salve o américo (Alcyr Pires Vermelho e Pedro Caetano)
9 - Não me olhes assim (Erasmo Silva e Mário Lago)
10 - Sim, sou eu! (Ataulpho Alves)
11 - O morro está de luto (Lupicínio Rodrigues)
12 - Chinelo velho (Marino Pinto e Wilson Batista)
13 - Parabéns para você (Roberto Martins e Wilson Batista)
14 - A água rolou (Mauro Duarte e Paulo C. Pinheiro)