domingo, 28 de junho de 2009

O Rei Roberto...


Calma galera... o blog ainda é sobre samba! Eu estou falando é do grande Demerval Miranda Maciel, mais conhecido como Roberto Ribeiro, um dos maiores intérpretes que o samba já conheceu.

Apaixonado por futebol, Roberto foi jogador profissional em sua cidade natal, Campos, no estado do Rio. Conhecido como Pneu, foi goleiro do Goytacaz Futebol Clube. Em 1965, à procura de um lugar em algum grande time carioca, mudou-se para o Rio. Chegou a treinar no Fluminense, mas a paixão pelo samba foi tomando lugar e pouco tempo depois trocou o futebol pela música.

Sua estréia no samba foi em 1972, quando gravou com Elza Soares 3 compactos. Os bons resultados das gravações levaram ao lançamento do disco Elza Soares e Roberto Ribeiro. Em seguida gravou os sambas "Estrela de Madureira", "Acreditar" e "Tempo Ê" que estouraram nas rádios e firmaram o nome de Roberto entre os grandes intérpretes do samba.

Dono de uma voz suave porém imponente, de timbre inconfundível, Roberto Ribeiro foi um grande divulgador do samba e suas vertentes, gravando inclusive muitos ritmos primitivos e de origem africana, como Jongos, Afoxés, Maracatus e Sambas de Roda... Muitos o consideram a "Enciclopédia do Samba".

Frequentador assíduo das rodas de samba de Madureira, foi durante quase uma década puxador dos sambas do Império Serrano, escola de samba do bairro. Sua voz enfeitou os carnavais entre os anos de 1975 e 1983, puxando o samba campeão de 1982 "Bumbumpaticumbum prugurundum"

Durante a década de 90, Roberto ficou bastante doente. Foi acometido por uma doença no olhos causada por um fungo e agravada pela diabetes, chegando a perder um dos olhos. Roberto morreu em Janeiro de 1996, atropelado em uma rua do bairro de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro.


Pra Ouvir!

Fiz uma coletânea com 34 músicas, pescadas em seus quase 20 discos gravados. Procurei mostrar em linhas gerais os caminhos por onde ele passeava dentro do samba, pra quem não conhece ir digerindo aos poucos a receita! Espero que gostem!

1 - Acreditar (Ivone Lara - Délcio Carvalho)
2 - Ao povo em forma de arte (Wilson Moreira - Nei Lopes)
3 - Artifício (Paulo César Pinheiro - Mauro Duarte)
4 - Até Amanhã (Riachão)
5 - Aurora de um sambista (Toco)
6 - Cabide de molambo (João da Baiana)
7 - Coité, Cuia (Wilson Moreira - Nei Lopes)
8 - Correntes (Roque Ferreira)
9 - Estrela de Madureira (Cardoso - Acyr Pimentel)
10 - Filosofia (Noel Rosa)
O orvalho vem caindo (Noel Rosa-Kid Pepe)
11 - Filosofia do samba (Candeia)
Foi um rio que passou em minha vida (Paulinho da Viola)
12 - Glórias e graças da Bahia (Joacyr Santana - Silas de Oliveira)
13 - Heróis da liberdade (Mano Decio - M. Ferreira - Silas de Oliveira)
14 - Império bamba (Joel Menezes - Roberto Ribeiro)
15 - Isso não são horas (Chiquinho - Catoni - Xangô da Mangueira)
16 - Jura (Nelson Rufino)
17 - Molejo (Hermínio Bello de Carvalho - João de Aquino)
18 - Nego benguela (Roque Ferreira)
19 - O ganzá do seu Leitão (Cleber Augusto - Nei Lopes)
20 - O quitandeiro (Monarco - Paulo da Portela)
21 - Olha o partido (Xangô da Mangueira-Rubem Gerardi)
22 - Os cinco bailes da história do Rio (Ivone Lara - Bacalhau - Silas de Oliveira)
23 - Pá-nela (Gonzaguinha)
24 - Planta imortal (Serafim Adriano)
25 - Podes rir (Daniel de Santana - Comprido)
26 - Prece a Xangô (Zé Luiz - Nelson Rufino)
27 - Recordações de um batuqueiro (Xangô - J. Gomes)
28 - Resto de esperança (Dedé da Portela - Jorge Aragão)
29 - Samba da minha terra (Dorival Caymmi)
Yá Yá do Cais Dourado (Martinho da Vila-Rodolfo)
30 - Samba do Irajá (Nei Lopes)
31 - Samba do sofá (Geraldo Babão - Dicró)
32 - Só chora quem ama (Wilson Moreira - Nei Lopes)
33 - Tia Eulália na xiba (Cláudio Jorge - Nei Lopes)
34 - Um dia de rei (Daniel Santos - Noca da Portela)


Baixar Coletânea Roberto Ribeiro

O 4 shared está pedindo para fazer login antes de baixar os arquivos:
Login: blogreceitadesamba@yahoo.com.br
Senha: samba2012





.

7 comentários:

Daíza disse...

Obrigada pela emoção! Lindo demais...

Vinicius disse...

É empre um prazer relembrar os grandes mestes!
Volte sempre!!!!

Humorzeiro disse...

Parabens pelo blog maravilha


http://humorzeiro.blogspot.com/

jvpiedade disse...

ooo meu parceiro, to tomando conhecimento agora do seu blog e que prazer viajar por ele
Valeu mano véio! Muito axé aí proce, muito samba e alegria negão!
e samba pra nóis!

Francis disse...

Meus parabéns, muito boa ésta postagem falar de Roberto Ribeiro é uma responsábilidade enorme e você fez isso com simplcidade e maestria muito muito bom mesmo !!!!!!!

Thamires Ribeiro disse...

Gostaria que você acrescentasse a música vazio que pra mim é uma das mais bonitas interpretadas pelo Roberto Ribeiro.

Wladimir Silva Valladares disse...

Época boa